• Mov Lab Fanpage
  • Twitter Mov Lab
  • Instagram Mov Lab

O nome "Mov Lab" e seu logo são marcas registradas. CNPJ: 24.548.842/0001-40 
Rua Dias da Cruz, Méier, Rio de Janeiro, RJ - 20720-011

Copyright © Mov Lab - Todos os direitos reservados
contato@movlabstore.com - PROCON/RJ

Os benefícios do alongamento

November 30, 2017

 



Qualquer pessoa pode e deve se alongar, principalmente antes e depois de realizar alguma atividade física. Sendo bailarino ou não, já parou para pensar que talvez as dores que você sente ou até mesmo câimbras, podem ter sido causadas pela ausência ou execução incorreta de algum alongamento? Pois é, pode sim! Então confira o nosso post e entenda um pouco mais sobre os benefícios do alongamento (bem executado!).

 

Um breve alongamento pode e deve ser feito antes de qualquer prática visando preparar o corpo, mas é importante ressaltar que devem ser realizados preferencialmente após o aquecimento, pois a temperatura corporal aumenta, facilitando o alongamento e prevenindo lesões.

 

Os alongamentos são exercícios que promovem o aumento do comprimento dos músculos através do estiramento das fibras musculares, resultando inclusive na ampliação do movimento das articulações. Parece exagero, mas existem pessoas que nunca se alongam e outras que já possuem dificuldade e são mais encurtadas, até mesmo por fatores genéticos. Para essas pessoas o alongamento é realmente necessário, pois além de prevenir tensões musculares e lesões, também irá promover o aumento da sua qualidade de vida. Se você não consegue amarrar seus sapatos sem sentir dor, você sabe do que eu estou falando! :D

 


TIPOS DE ALONGAMENTO:

 

Estático

Consiste em alongar em repouso, alonga-se o músculo até uma determinada posição e a mantém durante 10 a 30 segundos. Alongue até o limite do confortável.

 

Dinâmico

Consiste em alongar dando impulso, mas sem exceder os limites dos alongamentos estáticos.

 

Ativo

É um tipo de alongamento estático que consiste em alongar usando o músculo antagonista sem assistência externa.

 

Passivo

É um tipo de alongamento estático no qual uma força externa (companheiro, fisioterapeuta, etc) exerce sobre o membro a ser alongado.

 

Balístico

É como o alongamento dinâmico, mas forçando os limites dos músculos. É realizado de forma rápida e com saltos.

 

Isométrico

É um tipo de alongamento estático em que os músculos trabalhados no alongamento passivo ou ativo fazem força no sentido contrário ao do alongamento, visando o aumento da flexibilidade de forma mais rápida.



QUANDO EXECUTADOS DE FORMA CORRETA,  É POSSÍVEL OBSERVAR OS SEGUINTES BENEFÍCIOS:

  • Reduz o risco de lesões musculares ou entorses articulares, como torcicolos, câimbras etc;

  • Reduz as tensões musculares, relaxando a musculatura;

  • Aumenta a flexibilidade e amplitude dos movimentos, melhorando o desempenho nas aulas;

  • Reduz o encurtamento muscular;

  • Melhora a circulação sanguínea, prevenindo problemas em articulares;

  • Melhora a coordenação motora;

  • Auxilia no desenvolvimento da consciência corporal, à medida que a pessoa se concentra na parte que está sendo alongada e no alinhamento necessário;

  • Previne problemas posturais;

  • Contribui para a cicatrização óssea, em casos de fratura;

  • Reduz as cólicas menstruais.

     

     

A RESPIRAÇÃO

 

Você deve prestar atenção na respiração enquanto alonga. Levar oxigenação para todo o corpo durante este processo é fundamental. É preciso inspirar  profundamente pelas narinas segundos antes de iniciar o movimento e ir soltando aos poucos enquanto faz o alongamento. Evite apnéia!

 

 

CONTRA-INDICAÇÕES:

 

O alongamento não é contra-indicado para NINGUÉM. É recomendado para todas as pessoas, em qualquer idade ou condição. 
Deve ser inserido inclusive no seu dia-a-dia! Pratique ao acordar, em algumas pausas do seu dia, principalmente se você fica muito tempo de pé ou em uma posição específica. 
É importante frisar que para pessoas em uma condição limitante específica, são recomendados apenas alongamentos leves. Se já possuir alguma lesão, não deixe de procurar um médico ou fisioterapeuta, caso contrário o efeito do alongamento pode ser contrário, agravando a lesão já existente.

 

 

ALONGAMENTOS MAL EXECUTADOS PODEM OCASIONAR:

 

  • Entorses;

  • Rompimento de ligamentos; 

  • Tendinites;

  • Bursites;

  • Incontinência urinária;

  • Alterações posturais;

  • Crepitação articular (barulho nas articulações);

  • Dor, limitação de movimentos, etc.

 

 

DICAS IMPORTANTES (PRINCIPALMENTE NA DANÇA):

Você pode e deve se alongar antes das aulas de dança, visando se preparar para ela, mas não faça exercícios que exijam maior amplitude como "grand ecart". Para esses é recomendável já estar com seu corpo aquecido. Evite lesões! 

 

Conhece aquele ditado "A pressa é inimiga da perfeição"? Pois bem, alongamento não é algo que se ganha da noite para o dia (atenção bailarinas adultas!). Você pode praticar todos os dias, mas tenha cautela, respeite o tempo do seu corpo!

A dor do alongamento é boa e necessária, mas quando o o músculo está sendo lesado a dor é um pouco diferente, geralmente mais aguda ou até mesmo com certa queimação. Fique atenta!

 

Priorize o alinhamento corporal. Não adianta alongar um músculo e tensionar outro! Um exercício mal executado pode trazer consequências ruins.

Não crie exercícios ou repita algo que você ACHA que viu alguém fazer na TV, ou na internet! Faça apenas exercícios recomendados pelo seu professor e entenda a forma correta de executá-los.

 

Peça para alguém tirar fotos ou filmar, não necessariamente para publicar em alguma rede social, mas para você acompanhar a sua evolução. Às vezes a gente se cobra tanto que não percebe o quanto já evoluiu.

Mantenha-se motivada! Com trabalho duro e persistência você chega lá! ;D


 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

FOLLOW ME

  • Mov Lab Fanpage
  • Twitter Mov Lab
  • Instagram Mov Lab

POSTS

February 27, 2018

Please reload

TAGS

NEWSLETTER

Please reload