• Anissia

Os benefícios do ballet adulto


Que o ballet vem atraindo públicos diversos e não apenas crianças, muitos já sabem, mas por quê? Algumas o procuram por que almejam realizar um sonho, outras para trabalhar o corpo, mas o que a maioria não sabe é que o ballet é uma atividade complexa e completa, que trabalha não só todo o corpo (como poucas modalidades esportivas fazem), como também a mente. Há alguns poucos anos, infelizmente o ballet era visto apenas como uma atividade extracurricular para crianças e adolescentes. Se você fosse um adulto a procura de aulas de ballet para iniciantes, teria que fazer aula com crianças ou pior, cairia nas mãos de pessoas muitas vezes despreparadas para lidar com o corpo e as dificuldades que um adulto enfrenta nas aulas. O que acontece hoje, felizmente, é muito diferente. O BALÉ É PARA TODOS, diversas escolas de dança e até mesmo academias já oferecem esse tipo de aula voltada para o público adulto. Então, visando esclarecer muitas dúvidas que já ouvi como professora, resolvi fazer esse post e te ajudar a entender um pouco mais sobre essa atividade maravilhosa.

Como é uma aula de ballet adulto?

A aula é dada em uma sala que precisa ter um espaço considerável, com som ou piano, espelho e barras, além de piso adequado. Uma aula é estruturada com exercícios de barra, centro, diagonal e chão (é opcional e geralmente é dada em dias específicos, podendo ou não ser uma completa). As turmas podem ser divididas em inciante (para que nunca fez), básico (para quem já tem um pouco mais de experiência), intermediário (para quem já fez durante alguns anos e já usou pontas) e avançado (para quem já chegou a um alto nível técnico). Obviamente o professor vai avaliar em qual turma cada aluno se encaixa, visando o aprendizado e melhor rendimento.

Quais os benefícios para o corpo?

Respiração - Faz parte das aulas aprender a respirar aproveitando o máximo possível da capacidade do diafragma: Expandindo a caixa torácica na inspiração e contraindo o abdômen na expiração.Trabalhando os sistemas cardiovascular e respiratório, inclusive.

Postura - O balé clássico trabalha os principais grupos musculares responsáveis pela manutenção da postura, que são a musculatura abdominal, peitoral e das costas. Os alunos são estimulados a manter a postura correta, com abdômen contraído, quadril 'encaixado' e coluna alinhada durante toda a aula. Equilíbrio - O alinhamento de todo o corpo e o fortalecimento de grupos musculares garante consequentemente um ótimo equilíbrio corporal para a execução dos movimento. É trabalhando principalmente nos exercícios de centro (sem auxílio da barra).

Fortalecimento muscular - A técnica estimula tantos os membros inferiores quanto superiores, por conta de exercícios de salto, sustentação em determinadas posições e força nos braços para carregar as bailarinas (nos casos dos homens).

Flexibilidade - Não adianta ser apenas forte ou ter músculos elásticos, é preciso ter equilíbrio muscular. Nesse ponto, o balé pode ser melhor até que a musculação de academia, porque alonga e trabalha os músculos ao mesmo tempo. Como resultado, os grupos musculares não ficam encurtados e há menor risco de lesões. A flexibilidade é trabalhada em todos os exercícios de balé porque os movimentos precisam ser realizados com grande amplitude.

Agilidade - Conforme o aluno consegue aprender e executar os exercícios básicos de balé, a complexidade dos movimentos aumenta em cada estágio, exigindo cada vez mais agilidade e coordenação motora.

Quais os benefícios para a mente? Memória - Para cada exercício é necessário memorizar uma sequência de movimentos para trabalhar a evolução técnica, consequentemente você estará exercitando a memória durante toda a aula.

Coordenação motora - Após a memorização da sequência é necessário executar o movimento e coordená-lo com cabeças e braços, seguindo o ritmo da música. Esse esforço mental faz com que você aumente progressivamente a sua coordenação motora a cada passo.

Consciência corporal - Com passar das aulas é natural que sua percepção corporal vá melhorando. Ao conhecer melhor o próprio corpo conseguimos entender que esforço fazer, qual postura devemos manter, qual grupo muscular deve utilizar para executar cada movimento. Auxiliando inclusive na prevenção de lesões.

Bem-estar - A aula é dada ao som de música clássica e os movimentos acontecem de acordo com o ritmo da música. Por ser uma atividade física, consequentemente libera endorfina, uma substância responsável pelo prazer, proporcionando muito bem-estar durante as aulas. Amizade - Não tem nada melhor que encontrar um ambiente onde pessoas compartilham dicas, histórias e objetivos em comum, não é mesmo? Não existe hora e nem lugar para fazer novos amigos, criar vínculos e dar boas risadas.

Se você já faz ballet imagino que esse post não tenha muita novidade para você, mas compartilha com pessoas que tenham curiosidade, vontade de aprender ou vivem dizendo: "Estou velha para fazer ballet", "Preciso emagrecer começar o ballet", ou até mesmo "Ballet é coisa de mulher". Compartilhe e ajude a mudar essa percepção equivocada! Mas se você está lendo esse post e ainda não faz ballet, você está esperando o quê?! Aproveita a virada do ano para se aventurar em uma nova atividade e descubra os benefícios que o ballet tem para te oferecer!

Essa foto foi tirada em 2016, em uma das minhas aulas de ballet adulto no Espaço Dharma. Entre em contato para maiores informações.

Um abraço!

#Cuidados #Ballet #lifestyle #balletadulto #balletclássico #auladeballet #Saúde

0 visualização
  • Mov Lab Fanpage
  • Twitter Mov Lab
  • Instagram Mov Lab

O nome "Mov Lab" e seu logo são marcas registradas. CNPJ: 24.548.842/0001-40 
Rua Dias da Cruz, Méier, Rio de Janeiro, RJ - 20720-011

Copyright © Mov Lab - Todos os direitos reservados
contato@movlabstore.com - PROCON/RJ